A notícia sempre perto de você!
Maringá -PR | 14/07/2024 05:01
CABEARAuto Posto BérgamoCloset Kid
CABEARAuto Posto BérgamoCloset Kid
Policial

HOMEM QUE JÁ FOI INVESTIGADO PELA POLÍCIA POR SER SUSPEITO DE TER ESTUPRADO E MATADO A GAROTA BEATRIZ É PRESO.

Compartilhe:
HOMEM QUE JÁ FOI INVESTIGADO PELA POLÍCIA POR SER SUSPEITO DE TER ESTUPRADO E MATADO A GAROTA BEATRIZ É PRESO.

Jair de Azevedo Palma de 46 anos conhecido pelo apelido de "Jair do Cavalo", foi preso no final da última segunda-feira (13) em uma residência na cidade de Marialva. A Polícia Militar de Marialva foi quem deteve o foragido. Jair de Azevedo estava sendo procurado pela justiça por ter participado de uma fuga de presos que aconteceu no minipresídio de Maringá e por um crime de estupro em Marialva. O suspeito já teria cometido um estupro contra a enteada de 16 anos. De acordo com a Polícia Civil de Maringá, Jair de Azevedo enquanto estava preso foi investigado por ser também suspeito de ter raptado, estuprado e assassinado a garota Beatriz da Silva Pacheco de 10 anos. A menina morreu de forma brutal em junho de 2012 em Sarandi. No dia do rapto da menina, a vítima brincava com um primo próxima de sua casa quando um homem ofereceu um determinado valor para a Beatriz ajudar a procurar um cavalo. Depois disso, a menina desapareceu e só foi encontrada no dia seguinte em uma mata. Palma trabalhava em uma chácara localizada no Jardim São Silvestre, no limite entre Maringá e Sarandi. A propriedade fica a cerca de mil metros do local onde o corpo da menina foi encontrado. Esse detalhe do local onde o suspeito trabalhava, e mais o retrato falado feito por uma testemunha chamaram a atenção dos policiais para uma investigação mais profunda. No dia 25 de setembro de 2013, seis dias após ser preso por furto, o suspeito fugiu do minipresídio de Maringá antes que fosse submetido a coleta de material para a confrontação genética no caso Beatriz. Em uma outra oportunidade, Jair de Azevedo conseguiu fugir da cadeia em outra fuga de detentos. A Polícia Civil na ocasião tinha coletado sangue do suspeito que foi encaminhado para Curitiba. O resultado do DNA não foi compatível com o DNA encontrado no corpo da menina Beatriz. Palma nega até hoje envolvimento no rapto e morte da garota. Portanto, Jair de Azevedo Palma fica inocentado desse crime contra a garota Beatriz da Silva Pacheco. O caso continua sendo investigado pela Polícia Civil de Sarandi. A mãe da vítima, Erika da Silva, continua na esperança de ver o assassino preso. 

HOMEM QUE JÁ FOI INVESTIGADO PELA POLÍCIA POR SER SUSPEITO DE TER ESTUPRADO E MATADO A GAROTA BEATRIZ É PRESO.
Publicado em:
Atualizado em:
04/07/2023 17:40

Artigos relacionados

Homem que morreu espancado em Maringá é identificado

Homem que morreu espancado em Maringá é identificado

O senhor Mario Aparecido de Jesus, de 54 anos, morreu ao ser espancado durante a madrugada deste sábado, 13, na zona...Policial
Ler artigo
Morador de rua é espancado até a morte na cidade de Maringá

Morador de rua é espancado até a morte na cidade de Maringá

Um homem de aproximadamente 55 anos foi morto por espancamento. O corpo da vítima foi encontrado caído próximo da...Policial
Ler artigo
MP denuncia motorista bêbado que matou ciclista em Marialva

MP denuncia motorista bêbado que matou ciclista em Marialva

O Ministério Público do Paraná, por meio da 1ª Promotoria de Justiça da comarca de Marialva, ofereceu denúncia...Policial
Ler artigo
Mulher é presa com quase 1 milhão de drogas em Sarandi

Mulher é presa com quase 1 milhão de drogas em Sarandi

A Guarda Civil Municipal de Sarandi prendeu uma mulher com aproximadamente R$ 1 milhão em drogas. Todo entorpecente...Policial
Ler artigo
Quatorze bicicletas furtadas são encontras pela polícia em 'boca de fumo' em Maringá

Quatorze bicicletas furtadas são encontras pela polícia em 'boca de fumo' em Maringá

Dois criminosos foram presos pela Polícia Civil em uma operação desencadeada no Conjunto Odwaldo Bueno. Drogas e...Policial
Ler artigo
Mulher que foi baleada no lugar do filho recebe alta do hospital

Mulher que foi baleada no lugar do filho recebe alta do hospital

A senhora Cícera Elizabete da Silva Andrade, de 56 anos, já deixou o hospital. Ela passou por uma cirurgia após ter...Policial
Ler artigo
Mulher de 32 anos é executada a tiros na cidade de Sarandi

Mulher de 32 anos é executada a tiros na cidade de Sarandi

Débora Regina Feliciano Leite, de 32 anos, foi assassinada a tiros na noite de sábado, no Jardim Nova Aliança, em...Policial
Ler artigo
Motorista embriagado que deixou uma ciclista em coma permanece preso

Motorista embriagado que deixou uma ciclista em coma permanece preso

David dos Santos Cardoso, de 25 anos, permanece sob custódia na Delegacia de Polícia Civil de Marialva. Ele atropelou...Policial
Ler artigo
Publicidade
CABEARAuto Posto Bérgamo

Empresas Parceiras