A notícia sempre perto de você!
Maringá -PR | 17/07/2024 19:09
Closet KidCABEARAuto Posto Bérgamo
Closet KidCABEARAuto Posto Bérgamo
Policial

Farmacêutico que estava desaparecido é encontrado enterrado em sua casa

Compartilhe:
Farmacêutico que estava desaparecido é encontrado enterrado em sua casa

A Polícia Civil de Maringá investigou o desaparecimento do farmacêutico, Carlos Henrique Hortencio, de 54 anos, que estava sumido desde o último dia 11 de maio. A família de Carlos Henrique procurou a 9ªSDP 24 horas depois do desaparecimento para registrar um boletim de ocorrência. A equipe chefiada por Everaldo Fernandes, começou a diligenciar e procurar informações para chegar até a vítima.

No início da tarde de sábado (19), os policiais civis receberam uma informação importante e deslocaram até a cidade de Moreira Sales onde prenderam S. M. L. J., de 23 anos, que estava em um hotel. A namorada de S.M mora na cidade, mas ele é residente do Conjunto Borba Gato.

No quarto de hotel, a Polícia Civil achou o celular, notebook e o documento de uma camionete Pajero de propriedade do farmacêutico. S. M. imediatamente confessou participação no desaparecimento da vítima e ainda "caguetou" mais dois comparsas. Uma terceira equipe policial que ficou em Maringá foi até o Jardim Universo onde prendeu L. F. P. S, de 20 anos.

S. M. confirmou aos policiais que tinha enterrado o corpo do farmacêutico Carlos Henrique no quintal da casa da vítima que fica na rua Cariovaldo Ferreira, na zona 8. Os policiais deslocaram de Moreira Sales e foram para Maringá. Os suspeitos S. M e L. F levaram os policiais onde estava o cadáver.

A vítima Carlos Henrique tinha sido assassinado com duas facadas e depois enterrado na própria casa. Os marginais colocaram jogaram terra por cima e pedaços de madeira para dificultar a localização do corpo. A dupla confessou à polícia ter cometido o crime para roubar a caminhonete da vítima em troca de aproximadamente 50 gramas de cocaína.

A ação teria contado com o apoio de um terceiro criminoso, já identificado pelo nome de Hugo que está foragido. O farmacêutico Carlos Henrique Hortencio era amigo de S. M. segundo a polícia. O suspeito teria atraído a vítima para uma emboscada na noite do dia 10 de maio. O farmacêutico foi rendido com uma faca após dar carona para S. M e mais dois colegas.

Hortencio combinou pegar o grupo na Avenida Joaquim Duarte Moleirinho, de onde seguiriam para um show na Expoingá. No trajeto os meliantes anunciaram o assalto. A vítima foi amarrada e colocada no porta-malas de sua camionete Pajero. Em uma estrada rural próximo da pedreira, Carlos Henrique Hortencio foi golpeado por duas facadas no pescoço por L. F.

Depois de matar o farmacêutico, o corpo foi novamente colocado no porta-malas do veículo e levado para a casa da vítima onde foi enterrado. De acordo com o chefe da Furtos e Roubos (SFR) da Polícia Civil, Everaldo Fernandes, S. M que era amigo do farmacêutico ficou por alguns dias trocando mensagens por "Whatsapp" com a própria família da vítima se passando já que estava em posse do celular de Carlos Henrique.

Quando os parentes pediam que respondesse por áudio ele desconversa, o que levou a desconfiança. A camionete Pajero foi lavada logo após o crime na casa de S. M no Conjunto Borba Gato pois havia muito sangue no porta-malas. Na sequência, o veículo foi levado para Cruzeiro do Oeste foi trocado pela droga.

Os três suspeitos tiveram a prisão preventiva decretada e devem ser acusados de latrocínio e ocultação de cadáver. A soma das penas pode chegar a 33 anos de prisão. O terceiro suspeito ainda não foi preso. A família de Hortencio passa pela segunda tragédia em um período de três anos. Em 2 de julho de 2016, a família do farmacêutico passou por um momento de muita dor durante uma tentativa de assalto.

O comerciante José Hamilton Hortencio, de 54 anos, jantava com a esposa e o filho em casa, no Jardim São Silvestre, em Maringá. Dois bandidos invadiram o imóvel e anunciaram o assalto. O comerciante para defender sua família reagiu ao assalto e morreu com um tiro depois de dar entrada no Hospital Santa Casa.

Os dois marginais envolvidos na morte do comerciante foram presos pela Polícia Civil na época e foram condenados, cada um a 20 anos de regime fechado por latrocínio.Já o farmacêutico trabalhava no Hospital Santa Rita de Maringá.O Carlos Henrique Hortencio era uma pessoa muito querida pelos amigos de trabalho, dedicado em seu trabalho, e muito prestativo.

O corpo da vítima foi velado na manhã deste domingo (20) e sepultado no início da tarde.

Farmacêutico que estava desaparecido é encontrado enterrado em sua casa
Publicado em:
Atualizado em:
04/07/2023 17:40

Artigos relacionados

Homem é assassinado com 14 facadas em alojamento em Maringá

Homem é assassinado com 14 facadas em alojamento em Maringá

Wesderey Gomes da Costa, de 36 anos, foi morto com aproximadamente 14 facadas. O crime de homicídio ocorreu na noite...Policial
Ler artigo
Justiça não concede mandado de prisão à casal envolvido na morte de morador de rua

Justiça não concede mandado de prisão à casal envolvido na morte de morador de rua

Um casal suspeito de matar um morador de rua em Maringá foi colocado em liberdade horas depois da prisão. Os...Policial
Ler artigo
Motorista que provocou um acidente que resultou a morte de uma criança será julgado

Motorista que provocou um acidente que resultou a morte de uma criança será julgado

Plínio José Cesso, que provocou acidente na BR-376, em Sarandi, vai a júri nessa quarta-feira, 17. O motorista será...Policial
Ler artigo
Polícia divulga imagem de casal suspeito de matar um morador de rua em Maringá

Polícia divulga imagem de casal suspeito de matar um morador de rua em Maringá

A Delegacia de Homicídios tenta identificar um casal suspeito de agredir e matar um homem no último final de semana....Policial
Ler artigo
Homem que morreu espancado em Maringá é identificado

Homem que morreu espancado em Maringá é identificado

O senhor Mario Aparecido de Jesus, de 54 anos, morreu ao ser espancado durante a madrugada deste sábado, 13, na zona...Policial
Ler artigo
Morador de rua é espancado até a morte na cidade de Maringá

Morador de rua é espancado até a morte na cidade de Maringá

Um homem de aproximadamente 55 anos foi morto por espancamento. O corpo da vítima foi encontrado caído próximo da...Policial
Ler artigo
MP denuncia motorista bêbado que matou ciclista em Marialva

MP denuncia motorista bêbado que matou ciclista em Marialva

O Ministério Público do Paraná, por meio da 1ª Promotoria de Justiça da comarca de Marialva, ofereceu denúncia...Policial
Ler artigo
Mulher é presa com quase 1 milhão de drogas em Sarandi

Mulher é presa com quase 1 milhão de drogas em Sarandi

A Guarda Civil Municipal de Sarandi prendeu uma mulher com aproximadamente R$ 1 milhão em drogas. Todo entorpecente...Policial
Ler artigo
Publicidade
Auto Posto BérgamoCABEAR

Empresas Parceiras