PM apreende arma e prende rapaz que participou de tentativa de homicídio

A Polícia Militar minutos depois de acontecer uma tentativa de homicídio no Jardim Diamante em Maringá conseguiu abordar o carro suspeito que foi usado na fuga pelo atirador. A abordagem aconteceu no Jardim Guairacá. O condutor do VW Gol estava na companhia da namorada e de um outro homem. Vinícius Martins Abreu, de 23 anos, confessou ter atirado em Renan Cezar da Cruz Pimenta, de 29 anos.

No carro de Vinícius, os policiais militares localizaram maconha e uma pistola calibre 9mm municiada e com a numeração suprimida. Os três ocupantes do Gol foram algemados e conduzidos para a delegacia da Polícia Civil. Vinícius contou que atirou em Renan porque estava sendo ameaçado. O motivo foi que Renan teria agredido fisicamente a namorada de Vinícius em uma festa que aconteceu dias atrás. O detido contou também que foi feito um boletim de ocorrência no dia do fato.

Vinícius teria adquirido a arma de fogo na cidade de Paiçandu e pago o valor de 5 mil reais. “Eu queria me proteger das ameaças de Renan, não sou bandido, mas acabei perdendo a cabeça”, disse o atirador. A namorada do preso chegou a mostrar a gengiva toda lesionada por causa de uma agressão que teria sofrido de Renan.