Assaltante rouba carro na zona 7 e acaba morto pela CHOQUE

Leonardo Miranda de Souza, de 20 anos, tombou morto na noite de quarta-feira (11) após efetuar tiros contra uma guarnição da CHOQUE do 4º Batalhão da Polícia Militar. O meliante estava em posse de um automóvel Ford Ka de cor prata que tinha sido roubado minutos antes na rua Paranaguá, na zona 7.

O ladrão usou uma arma de fogo para praticar o assalto e tomar o carro de uma jovem. Durante a ação delituosa, o bandido chegou a dizer que mataria a proprietária do veículo. Após concretizar o roubo, Leonardo Souza fugiu em alta velocidade sentido Paranavaí.

A Polícia Militar foi comunicada do crime e várias viaturas começaram a realizar diligências na região. Na rodovia BR-376 próximo da Coca-Cola, uma viatura da CHOQUE avistou o carro passando em alta velocidade. Começou um acompanhamento tático da VTR da CHOQUE e o Ford Ka.

No trecho que liga Maringá a Iguatemi, o suspeito entrou em uma estrada rural às margens da pista e atirou contra os policiais que revidaram atirando e matando Leonardo Miranda com vários tiros. O revólver usado no assalto foi localizado pela PM.

Leonardo Miranda era morador de Mandaguaçu. O criminoso já tinha antecedentes criminais. Uma de suas prisões aconteceu em 12 de abril de 2018 próximo da Coca-Cola. Um taxista foi agredido brutalmente por três bandidos que levaram um Toyota Corolla da vítima.

O taxista na ocasião reagiu e teve um dedos quebrados por um dos meliantes. Dois dias depois, a Polícia Civil de Maringá prendeu os três assaltantes. Leonardo Miranda era um deles. O bando foi abordado na rua Lopes Trovão, na zona 4 com o carro da vítima.