Família reconhece no IML adolescente que foi encontrado morto em Sarandi

A família do adolescente Andrei Augusto Izidoro, de 14 anos, compareceu no final da tarde desta quarta-feira (14) no Instituto Médico Legal para fazer reconhecimento do corpo da vítima. A irmã e outros familiares não tiveram dúvidas e apontaram que o cadáver era mesmo de Andrei.

O adolescente que estava desaparecido desde o último sábado foi encontrado morto no início da tarde em uma zona rural, fundos do Conjunto Mauá, em Sarandi. De acordo com informações, o garoto foi morto a golpes de faca e depois teve o corpo queimado. Ao lado do cadáver havia uma bicicleta e um chinelo.

Amanda Izidoro, irmã do menino, disse ao repórter André Almenara que o adolescente saiu de casa de bicicleta dizendo que estaria indo soltar pipa no Jardim Aurora. Depois disso não foi visto mais. A irmã ainda relatou que o garoto estaria consumindo maconha.

O delegado Adriano Garcia que compareceu na cena do crime disse que foi aberto um inquérito policial para investigar a morte de Andrei Augusto.