A notícia sempre perto de você!
Maringá -PR | 16/08/2022 14:11
Da fruta ao doce
Closet Kid
Policial

Médico acusado de ser o mandante da morte do irmão é absolvido em Maringá

O médico cardiologista Manuel Pereira Marques, de 67 anos, foi absolvido de uma acusação de ser mandante do assassinato do próprio irmão, o...

Compartilhe:
Médico acusado de ser o mandante da morte do irmão é absolvido em Maringá
O médico cardiologista Manuel Pereira Marques, de 67 anos, foi absolvido de uma acusação de ser mandante do assassinato do próprio irmão, o fazendeiro Garcia Pereira Marques, de 62 anos. O Ministério Público pediu ao corpo de jurados a absolvição do réu por falta de provas.

No início da noite desta quarta-feira (2), o promotor de justiça, Antônio Euris Boton Júnior, se dirigiu ao corpo de jurados para que o réu não fosse condenado. O julgamento do médico começou por volta de 9h00 da manhã com o depoimento de um policial que participou da investigação.

Das 11 testemunhas intimadas para o júri, apenas 4 foram ouvidas pelo juiz de direito, Rafael Altoé, que presidiu a sessão. Durante o júri, o réu disse que tinha sim divergências com o irmão, mas que não tinha nenhuma razão para mandar matar o Garcia.

Os advogados de defesa de Manuel Garcia também pediam a absolvição. Após o pronunciamento do juiz de direito, os advogados Adriano Sérgio Nunes Bretas, Juliana Colle Bretas e Edson Facci, saíram satisfeitos com a decisão do promotor. "O importante que a justiça foi feita e meu cliente está em liberdade", disse Bretas.

Relembre o caso

No dia 1 de maio de 2016, a Polícia Militar de Maringá localiza o corpo do português Garcia Pereira Marques, de 62 anos, em uma estrada secundária no final da Avenida Mandacaru. Na época do crime, o genro da vítima, Cosme Alexandre Bombachini, de 34 anos, registrou um boletim de ocorrência de roubo e sequestro.

Bombachini declarou à época que havia levado o sogro até uma farmácia para comprar remédio quando um carro escuro parou ao lado, e um bandido armado teria ordenado para que o motorista parasse o veículo. O genro ainda disse que houve uma perseguição, mas a Polícia Civil descobriu através de imagens que a versão era mentirosa.

Na conclusão do inquérito feito pela Delegacia de Homicídios, a investigação apontou que Cosme Alexandre Bombachini, a diarista Lenice Mariano Pereira, de 39 anos, e Daiane Elias Luz, de 29 anos, amiga de Lenice, tinham envolvimento na morte do Garcia.

O mandante do crime seria o médico, a Lenice seria a autora dos disparos que mataram a vítima, e Daiane que dirigiu o carro. Alexandre Bombachini foi julgado em junho de 2018 e condenado a 14 anos de prisão em regime fechado pelo crime.

Em agosto de 2017, a diarista Lenice Mariano que trabalhava na casa de Bombachini, foi condenada a 20 anos de prisão por homicídio qualificado, sendo apontada como a pessoa que atirou e matou o fazendeiro Garcia Pereira Marques.

Manuel Pereira chegou a ser preso na cidade de Salto, São Paulo, no mesmo ano da morte do irmão. O médico foi trazido para Maringá onde ficou preso no Quarto Batalhão de Polícia Militar. Em julho de 2018, Manuel foi colocado em liberdade após um habeas corpus. Na época, o advogado maringaense Gustavo Pagani, fazia a defesa.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, o cardiologista teria oferecido R$ 1 milhão para que o genro da vítima cometesse o homicídio. Os irmãos disputavam uma herança familiar que ultrapassava R$ 10 milhões. Bombachini então que morava junto com o sogro decidiu planejar o crime oferecendo dinheiro para a diarista.

A única que ainda não foi à júri popular é Daiane Luz que teve participação na morte do português.



 

 

 

 

 

 
/uploads/media/2019/10/foto.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_5948.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_5949.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_3480.jpg
/uploads/media/2019/10/FOTO-2.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9044.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9049.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9068.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9641.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9659.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9672.jpg
/uploads/media/2019/10/IMG_9726.jpg
Publicado em:
Atualizado em:
29/07/2022 14:56

Artigos relacionados

Traficante é preso com arma de fogo e grande quantidade de cocaína e crack.

Traficante é preso com arma de fogo e grande quantidade de cocaína e crack.

Um traficante de 29 anos foi preso por uma das equipes da Rocam da Polícia Militar. Grande quantidade de drogas foi...Policial
Ler notícia
Ladrão de residência preso com camionete furtada é o mesmo que empinou moto e matou mulher em Maringá.

Ladrão de residência preso com camionete furtada é o mesmo que empinou moto e matou mulher em Maringá.

Higor Ignotti é o criminoso que em dezembro de 2021 matou uma mulher no Conjunto Odwaldo Bueno após empinar a moto e...Policial
Ler notícia
Ladrão de residência bate camionete furtada e vai preso.

Ladrão de residência bate camionete furtada e vai preso.

A Polícia Militar de Maringá prendeu em flagrante um ladrão de residência que agiu na cidade de Marialva. Uma...Policial
Ler notícia
Traficante é preso com grande quantidade de drogas e pistola em Maringá.

Traficante é preso com grande quantidade de drogas e pistola em Maringá.

Após furar bloqueio policial, criminoso é preso com arma de fogo e grande quantidade de drogas no Jardim Sumaré.Policial
Ler notícia
Rapazes mortos no centro de Mandaguaçu são identificados no IML.

Rapazes mortos no centro de Mandaguaçu são identificados no IML.

Foram identificados oficialmente os corpos dos três rapazes assassinados durante a madrugada de sábado em...Policial
Ler notícia
Três rapazes são baleados e mortos no centro de Mandaguaçu.

Três rapazes são baleados e mortos no centro de Mandaguaçu.

O triplo assassinato ocorreu durante a madrugada de sábado, 13, na avenida principal da cidade de Mandaguaçu. Um...Policial
Ler notícia
Tenente-coronel de Paranavaí assume Comando da PM de Maringá.

Tenente-coronel de Paranavaí assume Comando da PM de Maringá.

Jefferson Luiz de Souza assume o Comando da Polícia Militar de Maringá. Um homem que queria ser dentista se tornou...Policial
Ler notícia
Integrante de quadrilha que roubava ônibus nas rodovias é morto em confronto em Sarandi.

Integrante de quadrilha que roubava ônibus nas rodovias é morto em confronto em Sarandi.

Um criminoso de 30 anos foi baleado e morto durante um confronto na madrugada desta sexta-feira, 12, em Sarandi.Policial
Ler notícia
Publicidade
Radio T
Confira:PicPay

Empresas Parceiras