Mulher que teve o corpo queimado causado pelo namorado morre no hospital

Daniela de Fátima Navalon, de 41 anos, infelizmente morreu em decorrência de queimaduras graves que sofreu durante um incêndio criminoso causado pelo próprio namorado. A técnica de enfermagem que tinha passado pelo Hospital Universitário tinha sido transferida para a ala de queimados do Hospital Universitário de Londrina.

Daniela foi vítima de queimaduras de primeiro e segundo grau em 30% do corpo durante o incêndio causado pelo Odair Cecílio, de 41 anos, que está preso. A briga do casal aconteceu no dia 15 do mês passado no Conjunto Odwaldo Bueno Netto. Após agredir a namorada, Odair colocou fogo na casa dizendo que mataria a família dela.

A filha de 17 anos que presenciou as agressões conseguiu quebrar o vidro de um cômodo e retirar os irmãos que também são menores de idade. A adolescente conseguiu chamar a Polícia Militar com o objetivo de salvar a vida da mãe. Os policiais chegaram e perceberam que o imóvel já estava em chamas.

Daniela de Fátima foi retirada da casa com ajuda dos policiais. Odair Cecílio que também estava no meio do incêndio foi retirado com algumas queimaduras e socorrido por equipes do Siate e Samu. O criminoso em seguida foi encaminhado ao plantão da Polícia Civil onde foi autuado em flagrante.

Daniela de Fátima Navalon exercia sua profissão na área da saúde no Hospital Memorial Uningá. A família de Daniela disse que o casal estava junto há cerca de 5 meses.

1 comentário em “Mulher que teve o corpo queimado causado pelo namorado morre no hospital”

  1. Pingback: Mulher que teve o corpo queimado causado pelo namorado morre no hospital - Vila Operaria | Maringá

Comentários encerrados.