Desesperada, mãe pede ajuda para filho que teve 60% do corpo queimado

Uma mãe está desesperada. A dona Maria Aparecida da Silva, usou sua rede social para pedir a transferência do seu filho, o Cristiano Aparecido Francalin, de 43 anos, vítima de queimaduras graves em 60% do corpo durante um incêndio em uma residência localizada na Rua Ângelo Perine, Parque São Pedro, em Sarandi.

O incêndio aconteceu na noite da última terça-feira. O Corpo de Bombeiros resgatou o homem que já estava fora do imóvel. Equipe médica do Samu precisou intubar a vítima ainda no local. Após ser estabilizada, o paciente foi transportado ao pronto socorro do Hospital Universitário de Maringá onde permanece internado.

Segundo a mãe, o filho precisa urgentemente ser transferido para uma ala de queimados na capital do Estado. A família recebeu informação de que não há vaga nesse momento. Existe uma possibilidade da vítima ser transferida para o Hospital de Queimados de Londrina.