Aluno da Apae teria sido agredido na Vila Olímpica em Maringá

Um jovem de 25 anos que é portador de necessidades especiais foi encontrado ensanguentado e com um dente quebrado na Avenida Duque de Caxias, em Maringá. Foi no início da tarde quando a vítima estava pedindo por socorro próximo do Ginásio Chico Neto. O garoto estava muito assustado e agitado.

Uma equipe da Guarda Municipal que patrulhava nas imediações prestou os primeiros atendimentos até a chegada de uma ambulância do Siate. A camiseta que o garoto usava estava toda manchada de sangue. A vítima não conseguia falar, mas com as mãos tentou dizer que tinha sido agredido.

O menino que é aluno da Apae apontou aos guardas municipais que a agressão teria ocorrido na Vila Olímpica. Acredita-se que a vítima tenha sido abordada por algum viciado em drogas que fica perambulando no local. O garoto foi encaminhado ao pronto socorro do Hospital Universitário.

A irmão do menino entrou em contato com a reportagem dizendo que ela parou seu carro no estacionamento de uma empresa que fica na Avenida Paraná com Joubert de Carvalho. O irmão dela ficou no veículo. Ao retornar, a irmão percebeu que o garoto tinha saído.

A família agora tentará buscar alguma informação precisa com o menino pra saber o que realmente aconteceu enquanto ele permaneceu sozinho. O caso poderá ser investigado na sequência pela Polícia Civil.

1 comentário em “Aluno da Apae teria sido agredido na Vila Olímpica em Maringá”

  1. Pingback: Aluno da Apae teria sido agredido na Vila Olímpica em Maringá - Vila Operaria | Maringá

Comentários encerrados.